Associação Nacional de Defesa dos Agricultores, Pecuaristas e Produtores da Terra

Revista Veja destaca que os produtores não aceitam renegociar dívida de Funrural extinto pelo Senado

Revista Veja destaca que os produtores não aceitam renegociar dívida de Funrural extinto pelo Senado
A Carta Aberta dos Produtores rurais para nação brasileira estampou a página da Revista Veja que está nas bancas. É mais do que um desabafo, é um esclarecimento, uma manifestação legítima.

O setor não pode arcar com mais este prejuízo de uma dívida que é ilegal, pois o Funrural foi extinto  pela resolução 15/17 do Senado.  A MP 793 não pode passar por cima de uma decisão direta Carta Aberta na veja 2aprovada pelos Senadores, um conflito de poder desnecessário. Produtores de todo país estão se manifestando, e pedem ao STF que mantenha a palavra e julgue inconstitucional o Funrural. Caso isso não aconteça, os agropecuaristas vão quebrar e agravar ainda mais a crise econômica do país.
O Refis não serve para o produtor, só quem ganha com o texto da MP793 é a JBS e quem tem prejuízo fiscal e crédito de CSLL (só os grandes, justamente os que se apropriaram do dinheiro e vão pagar com créditos podres). Além da insegurança no campo, o produtor, que enfrenta problemas climáticos e todo planejamento de uma safra, ainda fica com o pesadelo do Funrural.
Por duas vezes o Funrural foi considerado inconstitucional, a lei parece que se transforma em uma fórmula de manobra de acordo com interesses que quem está no campo desconhece.   É um pedido simples para quem faz muito pelo país.  Uma análise técnica e objetiva, o produtor confiou na justiça, confiou nas decisões já tomadas, sem imaginar que a lei pode ser interpretada de forma diferente sobre a mesma matéria. Quando parecia que o Funrural estava solucionado surge a MP 793 admitindo uma dívida inexistente gerando ainda mais incertezas sobre o futuro.
Os produtores estão unidos e se manifestando enquanto preparam mais uma safra para o país.
Carta Aberta na veja