FUNRURAL volta ao STF

A questão da constitucionalidade do Funrural retorna à pauta do Supremo Tribunal Federal. Inicialmente estava previsto para o Funrural ser julgado no plenário virtual do STF. Contudo, o plenário virtual normalmente é usado para o julgamento de causas menores, nunca numa causa da envergadura do Funrural.

Felizmente, diante do trabalho do agro junto ao STF, especialmente a atuação da Andaterra, que procurou esclarecer os ministros da real dimensão da questão, o ministro Edson Fachin pediu vista, fazendo com que o a questão do Funrural passe para ser julgada no plenário físico do STF.

Agora, espera-se a redação do voto do ministro Fachin. Concluído isto, Fachin deve pedir para a presidente o STF que inclua o Funrural na pauta de julgamentos de nossa Suprema Corte.

Os produtores rurais devem ficar alerta unindo-se num movimento de pressão junto às autoridades para que se faça justiça, no sentido do fim da cobrança da alegada “dívida” do Funrural.

Por Antonio Pinho 

Posted in Sem categoria

Next Post

Refis do Funrural é um presente para a JBS

Qui Nov 23 , 2017
Por Valdir Fries Em defesa da JBS a APROSOJA BRASIL vem promovendo um verdadeiro CONTRASSENSO em relação ao PROJETO DE CONVERSÃO 41/2017 , ou seja, o Projeto que trata da conhecida MP 793/2017, sobre a questão do FUNRURAL.